Home Notícias Boa notícia: empresas começam a investir na contratação de funcionários trans

Boa notícia: empresas começam a investir na contratação de funcionários trans

written by Andreia Ferreira 2 de agosto de 2018

Candidatos trans já podem comemorar a boa notícia. É que algumas empresas estão buscando funcionários transgêneros na hora de montar a equipe de seus colaboradores. É o caso das companhias multinacionais Basf e Dow.

Segundo a advogada Márcia Rocha, fundadora do site Transempregos, diz que é procurada todo dia por empresas em busca de funcionários trans. Ainda segundo ela, em 2014, apenas uma pessoa foi empregada pela Transempregos. Em 2015, foram 45. O número subiu para 120 em 2016 e 250 em 2017.

Apesar dos programas de diversidade abrir as portas das companhias para a população LGBT, até pouco tempo atrás os transgêneros de menor qualificação encontravam muita dificuldade para se inserir no mercado de trabalho e a principal dificuldade é encontrar mão-de-obra qualificada para atender os requisitos das vagas oferecidas.

Segundo a advogada, 40% dos currículos recebidos pelo site são de pessoas com curso superior. Dos outros 60%, metade tem curso técnico e a outra metade é a população que está na rua. Como sabemos, a maioria sai da escola muito cedo e acaba ficando em situação de vulnerabilidade, indo morar na rua ou trabalhando com prostituição.

 

Mercado está mudando

 

A Transfobia faz com que esse grupo acabe tendo como única opção de sobrevivência a prostituição de rua.

Outro aspecto extremamente importante, e que vai permear todo o processo, é que sem legislação específica que garanta espaço no mercado de trabalho, transexuais e travestis dependem de iniciativas pontuais por parte de algumas empresas.

Qualquer organização, portanto, pode e deve contratar transexual. Não há motivos nenhum para as pessoas serem excluídas do mercado de trabalho por sua identidade de gênero. Ainda mais quando são profissionais excelentes e que podem contribuir e muito para a empresa.

E você, o que está achando dessa nova visão das empresas?

You may also like